Principais sintomas de infarto: Mantenha a atenção!

Terça, 23 Abril 2019 13:46 |

Doenças cardíacas, em especial o infarto e o AVC, estão entre as maiores causas de morte em todo o mundo. De acordo com a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), são cerca de 300 mil vítimas por ano no Brasil. Nesses casos, a identificação rápida dos sinais e a busca por atendimento médico são decisivas para o paciente. Atente-se aos principais sintomas de infarto, bem como seus fatores de risco e cuidados importantes!

Principais sintomas de infarto

Os sintomas mais comuns, independentemente de gênero ou idade, são:

  • Dor no lado esquerdo do peito (sensação de aperto, pontada ou peso, que pode irradiar para outras partes do corpo, como pescoço, costas e braço);
  • Dormência ou formigamento no braço esquerdo;
  • Dificuldade para respirar;
  • Dor de estômago;
  • Mal-estar;
  • Enjoos e tonturas;
  • Palidez e suor frio;
  • Tosse seca;
  • Dor nas costas;
  • Desmaio.

Alguns dos principais sintomas de infarto podem ter início inclusive semanas antes de ocorrer o ataque cardíaco, entre eles estão: dor na região torácica, náusea, indigestão, azia ou dor abdominal, fraqueza, tontura, suor frio e falta de ar.

A probabilidade de infarto em mulheres é 50% maior quando comparada aos homens, e os sintomas também podem ser diferentes no sexo feminino. Aqui, nós separamos os sinais que mais demandam atenção:

Principais sintomas de infarto em mulheres

  • Dores no peito (sensação de queimação ou pontada);
  • Arritmia cardíaca;
  • Dores nas costas, no pescoço, braço ou na mandíbula;
  • Náuseas;
  • Falta de ar;

As dores costumam ser menos intensas no sexo feminino, mas geralmente são acompanhadas de palpitações e alterações no ritmo cardíaco. As mulheres de meia idade, com mais de 55 anos e que já se encontram na menopausa, são as mais afetadas. No caso de mulheres jovens, a saúde do coração pode variar conforme o ciclo menstrual, considerando que durante a semana anterior e a semana posterior à menstruação há aumento de casos de infarto e dores no peito, de acordo com uma pesquisa publicada no jornal americano Heart.

Causas e fatores de risco do infarto

O infarto ocorre quando uma ou mais artérias que levam oxigênio ao coração (chamadas artérias coronárias) são bloqueadas por conta do acúmulo de gordura. Essa obstrução é gradativa e resulta na Doença Arterial Coronariana, principal causa dos infartos. Entre os fatores de risco, podemos citar:

  • Obesidade;
  • Hipertensão;
  • Colesterol alto;
  • Estresse;
  • Diabetes;
  • Histórico de infartos anteriores;
  • Histórico familiar de infarto e problemas cardíacos;
  • Idade: Homens acima dos 45 anos e mulheres acima dos 55 anos têm maior propensão;
  • Uso de substâncias químicas como tabaco, álcool e drogas estimulantes.

Cuidados e prevenção contra o infarto

Evitar os fatores de risco e realizar o acompanhamento médico periódico são as principais formas de prevenir o infarto. Dessa forma, os cardiologistas ressaltam a importância de manter uma alimentação balanceada e a prática regular de exercícios, evitar o alcoolismo, tabagismo e consumo de drogas, bem como a priorização de atividades de lazer e entretenimento, reduzindo o estresse e a ansiedade.

Além disso, pacientes que se encontram na faixa etária de maior risco, devem realizar exames e consultas com maior frequência!

Agora que você já conhece os principais sintomas de infarto e como se prevenir, não ignore os sinais e os cuidados com a saúde do seu coração!

Artigos que você também pode achar interessante