Câncer de mama: Carregue amor e coragem no peito!

Segunda, 01 Outubro 2018 11:03 |

O Outubro Rosa foi estabelecido como o mês de conscientização e prevenção contra o câncer de mama, o segundo tipo de câncer mais comum entre as mulheres. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer, a estimativa é de mais de 59.000 novos casos por ano no Brasil.

Diagnóstico: O primeiro passo

O câncer de mama possui 95% de chance de cura com o diagnóstico precoce. Para isso, é indicado que a mamografia seja realizada anualmente, a partir dos 45 anos, ou 35 anos em casos de pacientes com potenciais fatores de risco. Para mulheres com mais de 54 anos, a recomendação é que o exame seja realizado a cada dois anos. Além disso, o autoexame é muito importante para a detecção de sintomas e sinais ainda no início da doença.

Conheça o autoexame

Durante o banho

Com a pele ensaboada, eleve o braço e, com as pontas dos dedos da mão oposta, examine e pressione suavemente a mama. Realize o mesmo procedimento com a mama direita e esquerda.

Em frente ao espelho

Com os dois braços abaixados, observe os mamilos, o contorno e a superfície das mamas. Em seguida, observe-os com os braços levantados na altura da cabeça. Por último, pressione os mamilos suavemente e observe se há qualquer aparecimento de secreção ou sangue.

Ao se deitar

Coloque uma das mãos atrás de sua cabeça e, com a mão oposta, examine a mama pressionando-a suavemente, em movimentos circulares. Repita o mesmo procedimento com a mama direita e esquerda.

Sinais de alerta

  • Presença de nódulos;
  • Inchaço ou vermelhidão da pele;
  • Inversão do mamilo;
  • Espessamento ou retração da pele ou do mamilo;
  • Perda de líquido ou sangue pelos mamilos;
  • Dores na mama ou mamilo.

Caso você perceba qualquer um desses sintomas, procure imediatamente o seu médico.

Com uma alimentação equilibrada, a prática de exercícios físicos regulares, hábitos de vida saudáveis e o acompanhamento médico periódico, você pode vencer essa luta!

Artigos que você também pode achar interessante