Instituto Mais Saúde conquista novo projeto, em Barão de Cocais – MG

Quinta, 29 Junho 2017 08:06 |

Neste mês (junho de 2017), iniciamos nosso mais novo projeto, no município de Barão de Cocais - Minas Gerais, para a gestão e operacionalização do hospital público da cidade.

Com quase 32 Mil habitantes, Barão de Cocais foi fundada no início do século XVIII, por bandeirantes, portugueses e paulistas, e ganhou visibilidade por suas valiosas minas de ouro.

A cidade conta com o Hospital e Maternidade Waldemar das Dores, que oferece atendimento de Pronto Socorro 24 horas, todos os dias da semana, além de disponibilizar as especialidades de Clínica Geral, Pediatria, Ginecologia, Obstetrícia, Anestesiologia, Cardiologia, Ortopedia, Dermatologia e Cirurgia Geral.

O hospital possui uma estrutura completa e preparada, com 35 leitos, laboratório e serviço de Raio X que funcionam 24 horas por dia, bem como o serviço de mamografia. A unidade de saúde realiza, em média, 20 partos por mês e mais de 3.000 atendimentos no Pronto Socorro, além de pequenas cirurgias, cirurgias gerais e ginecológicas.

Agora, nosso compromisso é com a humanização do atendimento. A partir da modernização e informatização dos processos, capacitação e treinamento dos profissionais, bem como a criação de novos projetos, nosso objetivo é promover o bem-estar da população.

Com a implantação de um sistema informatizado para o controle do atendimento, agora Barão de Cocais poderá contar com mais agilidade e eficiência na área da saúde. Essa ferramenta permite, por exemplo, que os médicos tenham acesso ao histórico do paciente e que as marcações de consultas sejam confirmadas e informadas via mensagem SMS, além de possibilitar maior prontidão no atendimento emergencial, a partir do rastreamento das ambulâncias por GPS, entre outras facilidades.

Estamos empenhados em transformar a gestão da saúde de Barão de Cocais, de forma a alcançar resultados cada vez melhores, e o mais importante: a satisfação e a confiança dos munícipes. Já estamos trabalhando para que, além dos pontos turísticos, sítios arqueológicos e minas de ouro, a cidade se torne referência na região por sua atenção com a saúde.

Artigos que você também pode achar interessante